São várias as doenças autoimunes, e sua gravidade está relacionada ao sistema fisiológico afetado. Em dermatologia, alguns desses processos inflamatórios relacionados ao sistema imunológico incluem alopecia, dermatite atópica, psoríase e vitiligo.

A alopecia areata, uma dermatose inflamatória dos folículos pilosos, envolve fatores autoimunes, genéticos e emocionais, ocasionando perda dos cabelos e ou pelos, mais frequentemente no couro cabeludo. A psoríase, uma doença crônica e sistêmica, é caracterizada pela inflamação da pele, das unhas e, ocasionalmente, das articulações. Na doença, ocorre uma rápida proliferação das células da pele, causando espessamento, inflamação e descamação. Já no vitiligo ocorre destruição progressiva dos melanócitos em certas áreas do corpo, ocasionando lesões cutâneas de hipopigmentação.

Já a dermatite atópica, uma inflamação crônica da pele, é a principal manifestação cutânea da atopia, ocorrendo na forma de eczemas e pruridos.  Trata-se de uma doença genética com evidências de comprometimento imunológico, sendo influenciada por fatores ambientais e emocionais.

O produto manipulado proporciona aos pacientes vantagens únicas no tratamento dessas patologias por meio da personalização das concentrações e associações entre os fármacos, bem como por meio dos veículos e formas farmacêuticas mais apropriados.

Acesse o “Formulário dermatológico para os cuidados de doenças relacionadas ao sistema autoimune”.

Esse formulário auxilia o farmacêutico no embasamento dessas formulações e é ótimo conteúdo a ser enviado aos dermatologistas de seu relacionamento como sugestão das possibilidades magistrais.

 

Dúvidas? Converse com o Serviço de Atendimento ao Associado

Telefone: 4003-9019
E-mail: assessoriatecnica@anfarmag.org.br
Área do Associado: www.anfarmag.org.br > Área do Associado > Cadastre sua dúvida
Whatsapp: (11) 97554-0423

Fique por dentro
RECEBA INFORMAÇÕES ESTRATÉGICAS DO MERCADO MAGISTRAL

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.